31/08/2012

ONG sai vitoriosa de ação contra trabalhadores em fazenda de criação de aves - EUA

.
Trasncrevendo o boletim desta ONG com a ajuda do tradutor do Google (já viu que é meio devagar, né?)
______________________
"Tenho o prazer de compartilhar uma vitória histórica que a Mercy For Animals acaba de ganhar, contra uma fábrica de criação as aves!

Ontem, Brian Douglas, um trabalhador em uma fazenda de propriedade de Butterball -  o maior produtor da nação de carne de peru - se declarou culpado de crime de crueldade animal depois de ser pego por uma câmera escondida durante uma investigação contra torturas de animais de consumo.

Isto marca a primeira condenação criminal desta fábrica de aves de criação nos EUA. Marco histórico, para nosso trabalho para proteger os animais de criação.

A Investigação MFA feita em uma fazenda fábrica Butterball na Carolina do Norte revelou trabalhadores chutando violentamente e pisoteando em aves, batendo nas cabeças de aves vivas com barras de metal e aves gravemente feridos  e se negando a qualquer forma de assistência veterinária.

Por seus crimes, Douglas vai cumprir uma pena de 30 dias de prisão, seguido de seis meses de liberdade condicional intensiva e 36 meses de liberdade condicional supervisionada. Além disso, ele vai pagar R $ 550 em taxas e multas, fornecer uma amostra de DNA para o Estado, e será objecto de buscas sem mandado.

Aguardamos o resultado dos casos de quatro funcionários Butterball outros também acusados ​​de crueldade contra animais. Esta condenação se torna uma mensagem alta e clara para Butterball, e os criadores de animais de consumo em todo o país, que a crueldade animal não será tolerado!"

Mais informações saiba clicando em MERCY FOR ANIMALS
O VÍDEO ABAIXO, FEITO NO FINAL DO ANO PASSADO, TEM IMAGENS FORTES

6 comentários:

  1. Nada como fazer denúncia em país de primeiro mundo!

    ResponderExcluir
  2. Pobres animais.Fico tão triste qdo olho nos olhinhos deles.O que eles fizeram para Deus virar as costas para eles?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conceição01/09/2012 14:10

      que deus??????????????
      se existisse e fosse tão bom e justo como dizem não haveria nenhum animal sofrendo na face da terra.

      Parabéns ao ""Mercy for animals""

      Excluir
  3. "E degradante ,revoltante, como sofrem os animais-não -humanos.Peço ao mestre Jesus, Rabi,Oxal'a, Samana,a grande M'ãe Maria ,Mayndra e toda a c'upula de luz...Vem luz divina, engenheiro c'osmico, trazer novos valores, que a nova geração não seja contaminada por esses seres involu'idos , cru'eis, tiranos. Que os Centros planet'arios estejam a postos. Essa ind'ustria da morte,dor, ganância , tem q ter um fim,não 'e mais poss'ivel. Que todas as nações sejam abaladas. Essa cultura da crueldade,exploração e desrespeito 'a vida , não cabe numa sociedade que se diga civilizada.
    Esses v'ideos da mercy têm q passar na televisão, se a sociedade 'e cumplice de toda essa carnificina, covardia e violência, tamb'em tem q assumir a sua covardia e colaboração nesses assassinatos e ser mostrados como 'e a vida dos animais de criação.
    H'a mais de 2.000 mil anos foi ensinado , não matara's!!!!!!

    Inês Portela Nogueira.

    ResponderExcluir
  4. Mercy for Animals e uma instituicao exemplar na causa animal, parabens mais uma vez!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns a Mercy for animals. Se os carnívoros acreditam que os animais são importantes para a manutenção de sua saúde, não é o extremo da covardia expor aquele que, teoricamente, auxília sua vida à barbárie? Digo teoricamente, pq somos milhões no planeta, temos crenças distintas, muitos acham que não precisamos de carne e, em nº certamente maior, existem o que dizem que precisamos de carne. O fato é que existe opções pessoais, existem vegetarianos que passam a comer carne por problemas de saúde, carnívoros que se tornam vegetarianos. Eu reduzi o aconsumo de carne ao mínimo, não me alimentando de mamíferos (mas respeito peixes e aves). Para um vegano ainda serei criminosa, pros carnívoros sou maluca, em churrascos todo mundo se preocupa com os meus vegetais e há um mito de que sou vegetariana. Eu não sou nada, apenas não aceito rótulos e excessos. Mas, tb tenho meus dias de radical autoritária...como boa humana. Enfim, independente de nossas linhas, temos de pensar que o animal tem direito a uma vida decente e isso, quando serão abatidos para alimentação, uma morte respeitosa. Muitos dirão que não há morte respeitosa. Será que ao nascer já não morremos para alguma outra realidade? Morrer em paz e sem dor não seria algo respeitoso? Eu espero, como todos nós, ter um dia uma morte decente. Nossos corpos matam constantemente, mesmo enquanto dormimos. Quando doentes, eliminamos fungos que nos machucam, bactérias que nos deixam mal. Nossos bichos devem ficar sem parasitas, enfim, a morte só vai desaparecer quando nós a habitarmos,ou seja, quando estivermos mortos. São muitas as linhas de pensamento, mas o único consenso de nossa espécie é como lidamos com os que pensam diferente de nós, a agressividade. Somos seres que xingamos e batemos. Pra defender a vida descemos "porrada". Nós temos sim que punir quem não respeita a vida, implicando nisso o desrespeito à morte e a violência que impõe dor e desespero. Boa sorte à Mercy, que esses monstros sejam punidos.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪