26/01/2012

CÃO MORRE DENTRO DE PET SHOP... FOI ESQUECIDO NA CAIXA DE TRANSPORTE


Estou tão chocada com este caso.... eu fico em pânico quando vejo pessoas amigas mandarem seus cães para o pet shop sozinho.... eu, heim!!!!!

16 comentários:

  1. A situação é tão extremamente difícil que nem sei o que comentar.

    O mais cruel disso tudo é alguém supor que “enviando” um outro cãozinho – mediante um advogado – o caso se esvazia ou torna-se suportável.

    Fico imaginando uma parturiente recebendo notícia que seu filho, por conta de sobrecargas físicas e emocionais dos médicos, faleceu e o/a médico vai enviar um outro neném.

    Em outros posts sobre o caso os comentaristas dizem que pela Veterinária ter tido a verdade, ela devia ser perdoada e não crucificada.

    Falar a verdade, ser justo e honesto não são virtudes, são condutas esperadas por qualquer ser equilibrado, educado e consciente de seus deveres, ora bolas.

    Vale muito, muito mesmo, que os tutores tenham uma maior observância no sentido de verificar as condições humanas, estruturais e profissionais dos PetShops.

    O animal é de responsabilidade primeira do tutor e depois das pessoas quais eles são confiados.

    ResponderExcluir
  2. Por essas e outras que meu cachorro, que também é um shitzu, só vai pra pet quando tem que tosar, porque isso eu nao sei fazer.

    Mas fico ali,do ladim dele sempre .

    Essa veterinária tava fuuuuuuuuu na minha mao.

    ResponderExcluir
  3. Até quando?A veterinária não fez mais que a obrigação de falar a verdade.E tem a cara de pau de oferecer outro cãozinho...isso mostra o que já sabemos.Animais são mercadoria para muitos.

    ResponderExcluir
  4. tem que haver punição de quem cometeu isso, não pode achar que somente dando outro cachorro que resolverá o caso e fica tudo bem .Cachorro não pode ser transportado em porta mala.

    ResponderExcluir
  5. eh estarrecedor, revoltante o q rola nos pet shops. ha uns meses eu tava passando na frente de um desses estabelecimentos e como ja ouvira varias historias macabras, parei na porta e observei o interior da loja. vi a desgracada da funcionaria gritando e batendo o cao q ela tava escovando. entrei na loja e gritei p/ ela parar de bater no cachorro e q eu ia denunciar a loja. ela ficou atonita mas logo comecou a me responder rudemente enqto o outro funcionario so observava. infelizmente eu tinha um compromisso p/ qual eu nao podia me atrasar pq o q eu queria era esperar pelo dono e contar td a ele. liguei p/ loja depois e contei td a gerente mas infelizmente ela me tratou c/ uma certa arrogancia. falou q averiguaria os fatos mas nao vi uma indignacao real. enfim, povo, nada de deixar nossos bichos em pet shop. vai junto, po! duvido q essas tragedias aconteceriam se os donos fossem mais conscientes e amorosos.

    anny

    ResponderExcluir
  6. Concordo plenamente com Paula Regina. Hoje tenho dois irmãos gatos,não tenho cachorros, mas sou de uma época em que não se falava em Pet Shop. Comprava ração na quitanda do bairro, colocava no baldinho e pela noite ganhavam arroz com carne e legumes, feito sem tempero e sem gordura. Nunca tiveram tártaro, nunca ficaram doentes e morreram com a idade. Banho era comigo aqui em casa. Nunca molhei a cabeça, era do pescoço pra baixo, na base da mangueira e depois, tapinha no bumbum e lá iam eles felizes se espoldrinhar (volcabulário herdado da vovó = rolar de barriga pra cima) e secar ao sol. Depois de secos chamava todo mundo pra se escovar e limpar as orelhas.Unhas, nunca foram cortadas era no chão de cimento que raspavam. Claro que hoje a vida é diferente, e nem todos tem espaço, mas jamais levaria um irmão de quatro patas para um Pet e o largaria pra pegar depois. Quem tem um tanque em casa, ou mesmo com a duchinha no box que dê banho no seu amiguinho. Acho que secador em cima do pobrezinho não deve ser nada bom. Hoje se fala que não é bom que o animal seque ao sol, naturalmente, pra mim é conversa de quem quer lucrar com banhos. Sou contra roupinhas, unhas pintadas, pelo pintado, tosa desnecessária, perfume, etc etc etc. Cem por cento de vida natural é impossível, mas vamos tentar ser o mais póximo disso. Sou pelo direito que o bichinho te de ser bicho!

    ResponderExcluir
  7. Concordo plenamente com Paula Regina. Hoje tenho dois irmãos gatos,não tenho cachorros, mas sou de uma época em que não se falava em Pet Shop. Comprava ração na quitanda do bairro, colocava no baldinho e pela noite ganhavam arroz com carne e legumes, feito sem tempero e sem gordura. Nunca tiveram tártaro, nunca ficaram doentes e morreram com a idade. Banho era comigo aqui em casa. Nunca molhei a cabeça, era do pescoço pra baixo, na base da mangueira e depois, tapinha no bumbum e lá iam eles felizes se espoldrinhar (volcabulário herdado da vovó = rolar de barriga pra cima) e secar ao sol. Depois de secos chamava todo mundo pra se escovar e limpar as orelhas.Unhas, nunca foram cortadas era no chão de cimento que raspavam. Claro que hoje a vida é diferente, e nem todos tem espaço, mas jamais levaria um irmão de quatro patas para um Pet e o largaria pra pegar depois. Quem tem um tanque em casa, ou mesmo com a duchinha no box que dê banho no seu amiguinho. Acho que secador em cima do pobrezinho não deve ser nada bom. Hoje se fala que não é bom que o animal seque ao sol, naturalmente, pra mim é conversa de quem quer lucrar com banhos. Sou contra roupinhas, unhas pintadas, pelo pintado, tosa desnecessária, perfume, etc etc etc. Cem por cento de vida natural é impossível, mas vamos tentar ser o mais póximo disso. Sou pelo direito que o bichinho te de ser bicho!

    ResponderExcluir
  8. Concordo plenamente com a Paula! Disse tudo!

    ResponderExcluir
  9. Esse caso e absurdo, a irresponsabilidade das pesssoas que trabalham nesse Pet Shop e inacreditavel.
    Horrivel,inadmissivel,espero que paguem duramente pelo descaso que tiveram com esse pobre animal.
    Isso foi tortura.
    Dou banho , em mesma no meu cachorro, porque ele odeia Pet shops e quando toso, fico la assistindo tudo.
    Hotelzinho para caes, nem pensar, viaja comigo, ou nao viajo.

    ResponderExcluir
  10. moro em belo horizonte, tem 2 casos de morte em petshops no meu bairro,perdi a confiança, tem 2 anos que meus caes tomam banho em casa,comprei todos os acessorios usados em uma petshop, e um tosador vem a domicilio dar os banhos e tosar secar (o que eu acho mais dificil) e ta sendo otimo, eu vejo tudo.

    ResponderExcluir
  11. "Ainda segundo a veterinária, um filhote novo já foi comprado, mas só será entregue mediante um advogado de testemunha."

    P*** QUE PARIU

    COMPROU OUTRO FILHOTE!!!!!!!!

    SIMPLES NÃO?!?!

    ANIMAL PRA ELA É UM PRODUTO DESCARTÁVEL, ATRAVÉS DO QUAL ELA GANHA DINHEIRO.

    MALDITA ESSA VETERINÁRIA.

    VADIA!

    ResponderExcluir
  12. TAMBÉM NÃO ENTENDO DONOS QUE DIZEM GOSTAR DE SEU ANIMALZINHO E O MANDAREM PARA CRUELDADE E TORTURA QUE SÃO OS TAIS DE "BANHO E TOSA"!

    As minhas eu mesma dou banho em casa!

    Um absurdo mandar seu animal pra ser lavado, secado e entregue mais tarde, como se fosse uma mercadoria.

    Banho e Tosa é o mesmo que LAVANDERIA de animas..... putz!

    BANHO E TOSA PRA MIM É TORTURA E CRUELDADE.

    ResponderExcluir
  13. Isadora concordo em parte com você

    Amoooooooooo meu cachorro, mas ele é um shitzu e tem que ser tosado.

    Desumano seria deixa-lo sem tosar num calor de 40 graus que faz no RJ.

    Mas deixar ele sozinho na tosa com esses infelizes, jamais, em tempo algum.

    ResponderExcluir
  14. Rosalia Marçal27/01/2012 19:03

    O caso é que a maioria dos donos,querem deixar seus animais o dia todo se pudesse.Escuto muita critica por meu sistema ser de banhar tosar e ligar para buscar.Nunca neguei que o dono ficasse junto.Não defendo essa moça,mas acho que somos humanos sujeitos a falha.

    ResponderExcluir
  15. CLARO MARI,

    levar o seu animal e ficar junto todo o tempo é outra coisa né!!!

    Dono que tem responsabilidade!

    Entendo que ser tosado é um cuidado que um cão de pêlo longo precisa ter.

    O que me revolta é ver uma caixinha de transporte sendo levada na garupa de uma moto correndo no meio do trânsito da cidade com um animalzinho dentro.... e depois um maldito funcionário que vai dar banho no animal sem ao menos gostar de animais, muito pelo contrário, detesta animais, está ali só pra receber o salário porque precisa do dinheiro e não conseguiu outro emprego... Donos que usam esse tipo de serviço, não gostam de verdade de animais, gostam é de se aparecer e terem um bichinho de raça pra estar sempre limpo e bonitinho como se fosse um enfeite....

    Existem "donos" e "donos"...

    ResponderExcluir
  16. ARMINDA adorei o que você escreveu! Penso igual!

    Bicho tem o direito de ser bicho!

    Perfume?! Lacinho? Unha pintada?!

    Ah! tenham dó!!!!!!

    Se fosse perguntado a um cão se ele queria isso o que ele responderia? . . . . . . .

    QUE NÃO, LÓGICO!

    Eles nem sabem o que é isso!!!! São os umanos que gostam disso, dessas baboseiras todas...

    Isso não faz parte da natureza animal! Nem da nossa natureza na verdade isso faz parte, afinal o homem também é um animal. Mas,
    que adora inventar coisas artificiais pra si mesmo!

    :-/

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪