23/09/2011

LEISHMANIOSE, O CÃO PLUTO E MAIS UMA TRAGÉDIA NO SETOR PÚBLICO

Leitora nossa, a Tatiana, nos enviou este e-mail, quando lhe perguntei sobre a denuncia que ela nos encaminhou, após perder seu cão numa tragédia que tem como base inicial a leishmaniose:

"Olá Sheila, querida...
Meu objetivo principal é denunciar e punir os culpados por essa barbárie!! Visto que eles sacrificaram meu animal antes do prazo estipulado por lei. Alguém tem que pagar por isso. Era para o Pluto estar vivo e dentre alguns dias estaria conosco em casa!! Também estou entrando com processo contra o veterinário, ao meu ver ele usou de má desde o início, então quero denunciá-lo ao CRMZ e que o conselho tome as medidas cabíveis e justas!! Também é importante alertar a população sobre a realidade da Leishmaniose! Obrigada pela publicação. Beijo,Tati"

O caso é revoltante e acho que ela está coberta de razão. Cliquem no link abaixo para ler. O e-mail dela é tatyds@gmail.com.


.

10 comentários:

  1. Maria de Fátima23/09/2011 14:57

    Que essa moça tenha força para fazer o que deve ser feito. Que ela consiga fazer justiça em nome do seu filhote assassinado. Se o judiciário tiver vergonha na cara, não lhe negará amparo...

    ResponderExcluir
  2. Pessoal, ninguém é obrigado a entregar o cão se ele estiver com suspeita da doença ou mesmo se estiver com a doença. A leishimaniose tem cura, Há tratamento sim. Isto que fazem com os pobres cães e com os donos desinformados é uma p... covardia, meressem processo sim.

    ResponderExcluir
  3. Maria de Fátima23/09/2011 15:08

    Se fizeram isso com o Pluto, que tinha sua dona brigando na "JUSTIÇA" (?) por ele, imaginem o que não fazem com aqueles que não têm a ninguém em sua defesa... Não lhes deram, à Tati e ao Pluto, o direito de estarem juntos pelo última vez antes de assassiná-lo... Eu não consigo achar no meu dicionário palavra que consiga definir o que eu penso sobre isso. Eu não consigo nem imaginar a dor dessa pessoa ao saber pela imprensa o que fizeram com o seu amiguinho...

    ResponderExcluir
  4. Fádua - POA23/09/2011 15:35

    Que tristeza... que país bagunçado, sem respeito, que bando de "profissionais" incompetentes. Nos resta apelar às forças Divinas para que, ao menos, os responsáveis sejam punidos.... mas nada traz um amigo de volta, nada... absurdo, absurdo...

    ResponderExcluir
  5. Que a justiça não seja cega no caso do cãosinho.

    ResponderExcluir
  6. Primeiramente que fique de aviso a todos porque sou juiza e digo. Ninguém é obrigado a permitir que o funcionário do CCZ local teste seus animais, se eles baterem na sua porta se recusem, não atendam, um oficial de justiça só pode entrar na sua casa com mandato. Aliás qualquer tipo de autoridade policial ou não precisa de mandato. Todo o procedimento foi fora da lei. Ninguém é obrigado por lei a se submeter a teste algum, muito menos submeter seus animais.

    processo na prefeitura da cidade, mesmo assim a perda do cão ainda mais nesta situação é impagável.

    ResponderExcluir
  7. Vamos às leis:a proprietária do animal não completou sua defesa e assim, o JUIZ não poderia determinar ou admitir q fosse assassinado.As defesas devem se completar para q as decisões assumam o grau de justas. Assim, é contra tal autoridade q deverá agir, para q a indenize ( e é pouquíssimo diante de tal perda)e seja no mínimo aposentado, já q não pode ser despedido, o q é pena.

    ResponderExcluir
  8. Meu Deus!!!! Se isso acontece comigo, não sei não... mas te garanto que alguns iam para baixo da terra. Não gosto nem de pensar. Sou meio louca mesmo.

    ResponderExcluir
  9. O Brasil é terra de ninguém.Cada um fz o que quer e pronto.Esse veterinário (ou seja lá quem for) tem que se responsabilizar pelo crime que cometeu.A doença tem cura.

    ResponderExcluir
  10. Bom dia Sheila!
    Esta é a nossa realidade, triste realidade e muitos ainda não acordaram pra ela. Sabe aquela coisa, que está distante da maioria, se não vejo, não sinto e não me atinge?
    É mais ou menos assim....mas tenho certeza que a morte do Pluto não foi em vão.
    Recentemente o Dr. André Luis S. da Fonseca esteve em Brasília com o apoio da SUIPA do RJ conversando com os representantes do Ministério da Saúde, eles não aceitam opinião diferente da deles e ponto. Então nos restam as vias judiciais, as ONGs deveriam entrar com Ações Civis Públicas questionando a Portaria Interministerial que obriga a matar os cães e proíbe o tratamento e manifestar junto ao deputado que fez o PL contra estas medidas dando apoio e enviando e-mail para o relator demonstrando a nossa indignação perante o que vivemos hoje, matar cães para controlar a doença, sendo que na verdade é falha do poder público.
    Repetindo, a morte do Pluto não foi em vão.
    bjs e lambeijos nos teus aus e miaus
    Vivi Vieri

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪