03/08/2011

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE OS DONOS DO LEÃO ARIEL

Dono do Ariel diz que tirou as garras do Ariel neste vídeo... Tô começando a ficar revoltada com esta campanha feita para ajudar o pobre animal de uma pessoa que explora animais.... Nossa leitora Carol, está muito chateada com isto, também. Ela mandou este e-mail:

"Oi Sheila, descobri mais uma coisa... parece que o primeiro casal de tigres que esse casal teve foi comprado por eles!!! Nos vídeos do Instituto é fácil de ver que eles não tem objetivo algum a não ser ganhar dinheiro com esses animais, parece que querem até ganhar status de zoológico, pois assim podem ganhar dinheiro com visitação, agrrrrr!!

Eles procriavam esse casal de tigres, não sei se desde da chamada do Ibama eles pararam, e isso tudo tem na própria página deles (http://institutoemanuel.org/index.html), só não percebe quem é muito ingênuo e acha que criar tigres e leões é lindo, o povo é muito besta mesmo. Se tiver tempo veja as matérias que foram feitas no programa da Eliana. E o pior de tudo, eles tiraram as garras do Ariel: http://maringa.odiario.com/blogs/miltonravagnani/2011/07/13/ariel-ja-nao-tem-as-garras/

O absurdo maior é o Ary, "pai" do Ariel ser chamado de criador, pra mim só vale se for criador de animais silvestres do Brasil com algum programa sério de reintrodução!!"



Vejam esta matéria:
http://www.anda.jor.br/2011/08/01/tutores-do-leao-ariel-sao-investigados-pelo-ibama/
.

28 comentários:

  1. rosaelisav@yahoo.com.br03/08/2011 16:37

    a história não estava me cheirando bem. então o ibama deve cair em cima. amndei uma mensagem para eles perguntando sobre a foto de um filhote de tigre e querendo saber como esse filhote foi parar lá. assim que me responderem compartilharei com vocês. ah, não tive fígado para ver o vídeo em que o homem conta que tirou as garras do coitado do leão. a record já foi informada da real intenção desse casal?

    ResponderExcluir
  2. Bem, em primeiro lugar, leão não se cria em casa ou mesmo quintal... no mínimo, teriam que ter uma grande chácara para o animal se sentir livre.
    O "amor" dessa família pelos animais também não me convenceu...

    ResponderExcluir
  3. Estou chocada!!! Nunca pensei... Só vi na Record em uma reportagem a historia desse leãozinho. Vagabundagem...Tirar as garras??? Estou grilada...

    ResponderExcluir
  4. anselmo-personal03/08/2011 18:04

    DISCORDO totalmente da procriaçao de animais para qualquer fim, mas com relaçao ao Ariel, o Ari era bonzinho e se preocupava. Ele tinha esperança em tentar um novo tratamento para essa tal DOENÇA MISTERIOSA DEGENERATIVA do Ariel (já que aquele nao estava dando certo) e sempre retornava meus contatos. Infelizmente qdo consegui a visita ao Ariel, talvez por eu ter dito "na lata" que nao concordava com aquele tratamento eu nao tenha agradado...

    ResponderExcluir
  5. Esses magnificos animais tem que viver livre,cada espécie no seu lugar.

    ResponderExcluir
  6. Quem garante que eles não exportam os filhotes pra criadouros particulares ,hoje em dia devem valer um nota preta,como eles mantém todos esses animais,só com aluguel de cães,a tá.Pra mim o buraco é mais em baixo.

    ResponderExcluir
  7. Carol, entendo seu comentário qdo diz que "absurdo maior é o Ary ser chamado de criador", na verdade ele cria sim... cães para aluguel, né! rs Importa cães e procria ganhando $$ às custas dos bichos! Mas vc tem razão, cabe mais um "gigolô" de animais do que criador!!!
    O IBAMA já foi um órgão sério, mas parece-me que os INTERESSES deles mudaram, bom, com o atual presidente... vcs viram a entrevista sobre Belo Monte?? Sem comentários...

    ResponderExcluir
  8. Olha eu li as declarações da Carol, e fui realmente investigar. É tudo verdade, esse povim se aproveitou da doença do Ariel para se promoverem como bonzinhos. Mas o q mais me deixou espantada, é com a turma que os defendem e atacam o Rancho dos Gnomos. Cara, eu acompanho o trabalho do Rancho, que são pessoas realmente envolvidas e responsáveis. Não entendi o ataque gratuito. É tudo uma raça de oportunistas. Tenho muita dó do Ariel, por todo o sofrimento que ele passou. Mas agora, ele esta livre correndo nas savanas, sem doenças, como um verdadeiro rei.

    ResponderExcluir
  9. Isso nunca me cheirou bem....

    ResponderExcluir
  10. Olá Lara, o pior é que tem reportagem falando só do Instituto e não do Canil, que usar a palavra criador e no fundo eles são, pois procriaram os tigres e sempre me perguntei pra que?!! Pra reintroduzir na natureza que não é, no mínimo é pra ganhar cachê em programinhas de televisão, isto é uma forma de exploração animal minha gente. Na minha opinião eles deveriam funcionar somente como mantenedores de animais exóticos, até pq segundo normativa do Ibama, esse animais não devem ser reproduzidos e devem ser castrados!! O Rancho dos Gnomos faz isso.

    ResponderExcluir
  11. Esse bafafá todo começou pq a Lilian Rockenbach ressuscitou o problema que eles tiveram com o Ibama EM 2010, sobre procriarem animais EXÓTICOS, aí o povo ficou com a pulga atrás da orelha e começou a investigar na internet e foram encontrados vários podres, inclusive esse sobre as garras do ARIEL. Pra quem não está sabendo: eles querem montar um zoológico!

    A confusão ficou generalizada quando a Bióloga do Instituto, Sra. Eryka Zolcsák de Sousa, postou em seu facebook (https://www.facebook.com/notes/eryka-zolcs%C3%A1k-de-sousa/rancho-dos-gnomos/169953199742785), uma nota falando coisas absurdas sobre o Rancho dos Gnomos, aí o negócio fedeu! Pelo que entendi o Rancho tinha uma opinião diferente em relação ao tratamento do Ariel e sobre eutanásia, e por isso essa bióloga generalizou falando que eles não gostam de animais e fez algumas denúncias nessa nota, que acredito serem infundadas, contra o Rancho. Tb sou bióloga e juro que não sei onde essa menina se formou, pois ela não consegue enxergar os fatos, como por exemplo o absurdo de se procriar felinos exóticos para NADA ou melhor PARA SEREM EXPLORADOS!!! Além disso, como pode uma pessoa amar tanto um animal (Leão Ariel) e terem um canil de cães que são ALUGADOS PARA GUARDA!

    ResponderExcluir
  12. Pra quem ainda não está convencido segue um trecho do próprio site do Canil Emanuel (http://www.canilemanuel.com.br/) sobre as "vantagens" da locação de cães de guardas: "Cães bem treinados e saudáveis vêm trabalhando na área de vigia empresarial sem décimo terceiro e sem encargos. Trabalha fielmente na CHUVA e no SOL, não leva o patrão na justiça e é excelente vigia noturno e diurno. O cão vigilante trabalha em função da segurança da empresa contratante, sendo fiel, justo, incorruptível por excelência e ótima guarda." É meu povo, acho que o coisa só está começando a feder!

    ResponderExcluir
  13. Gente.... Pelo amor de Deus... Tenham Bom Senso... E vou comentar este artigo por partes...

    Tirar as garras de um leão realmente é uma multilação, acho que não deva ser feito. Mas acredito que deve ter tido auxílio de um vet. Que também suponho que seja de respeito. Se o animal não será reintroduzido em seu habitat, não necessitará delas... Sendo que esta prática assegura as vidas de seres humanos tratadores. Portanto, é algo que foi calculado, eles sempre trataram muito bem deste leão e não queriam o mau, lutou pela vida dele, enquanto teve muita gente aqui no blog que achava que deveria ser eutanasiado. Estes assuntos como: garras e eutanasia são polemicos, e merecem cuidado na discussão. Devemos discutir, mas sem culpá-los ou julgar indiscriminadamente.

    A utilização do animal para fins $ é muito em parte culpa da mídia e cinema que necessitam destes animais para comerciais e afins, tema que tb deveria ser discutido.

    Necessitamos motivar as pessoas que cuidam destes animais, e precisamos orientar nossa consciencia para que governo e população amparadas com profisionais da area estabeleçam regras... E nós devemos acompanhar estas regras, e depois de aprovadas fazê-las cumprir.

    Não deviamos somente criar opinião boa ou má destes cuidadores do Ariel, se vocês imaginam que possam haver problemas com os cuidados deles, façam de uma forma adequada e justa tanto para eles quanto para sociedade, eles, nós e os animais, merecemos respeito.

    Claudia Avila

    ResponderExcluir
  14. Prezada Claudia, no meu entender nada justifica essa mutilação, então quer dizer de podemos tirar as garras dos gatos domésticos, afinal eles "não" precisam? Vc sabia que ao tirar as garras desses animais ele podem vir a apresentar problemas de locomoçao? Igualzinho a cortar o rabo de um guepardo, o animal nem consegue mais correr.

    Pra mim tiveram que tirar garras do Ariel, é tão óbvio, pq era um gato selvagem criado como um bebê, quando ele começou a machucar a família sem querer, optaram pelo método mais fácil para acabar com esse inconveniente! Quem tem gatos domésticos em casa sabe do que estou falando, eu tenho e vivo arranhada por brincar com meus gatinhos, imagina se eu tivesse um leão de estimação. Se o ariel tivesse sido criado com respeito ao seu lado selvagem, não precisaria chegar a esse ponto. Só queria saber quem foi o veterinário que fez essa operação e quem autorizou o procedimento! E mais, eles fizeram isso com autorização do Ibama? Pois como mostrado no comentário 193 da Helen, rt. 6° Fica proibida a realização de procedimentos que caracterizem mutilação dos animais objeto deste instrumento normativo, tais como a extração de unhas e presas.

    ResponderExcluir
  15. Carolina, minha intenção não é polemizar sua resposta. Mas primeiramente sou contra a domesticação de qualquer animal. Mas já que existe, exige cuidados. Mas as garras de gatinhos, não podem ser comparadas com as do leões. Eu corto as unhas de minhas gatas, assim como corto dos meus caes... Assim como corto as minhas proprias unhas... Pois é necessario, para nosso cuidado e dos deles. Você cortaria as unhinhas do leão? Claudia Avila

    ResponderExcluir
  16. Bah! Fomos todos enganados? Pensei que o Ariel era de circo e um resgatado. Nem sabia que essa gente cria animais para comercializar. Fico com nojo disso tudo. Que sejam punidos. Também deixo claro que nós não precisamos de unhas e podemos todos mandar arrancá-las. O médico de nossa confiança pode fazer isso.
    Tem cada coisa que me deixa fula da vida. espero que sejam devidamente punidos e não posam ter mais nenhum animal sob sua guarda.

    ResponderExcluir
  17. Também nunca entendi direito porque o Ariel e os outros animais são criados.

    ResponderExcluir
  18. Terrivel esse acontecimento com o Leao Ariel, tantas
    pessoas de bem doaram dinheiro para a causa e agora
    toda essa sujeira, isso abala muito a credibilidade das
    pessoas pela causa animal e isso nao e bom para nos.
    Lamentavel as pessoas usaram da doenca para visar
    lucros.

    ResponderExcluir
  19. Andréa Neves05/08/2011 03:08

    EU SEMPRE ME PERGUNTEI PORQUE ELES TINHAM ESSES FELINOS EM CASA, MAS ACREDITEI QUE ESTAVA TUDO LEGALIZADO, ATÉ PORQUE A EXPOSIÇÃO NA MIDIA FOI PESADA, SEI QUE O ARIELZINHO FOI REJEITADO PELA SUA MÃE, POIS NASCEU DE CESÁRIA, MAS E A MÃE DELE PORQUE ESTAVA LÁ? PORQUE OS TIGRES ESTÃO LÁ? NÃO FORAM RESGATADOS? CANIL? QUE CANIL? TÔ BEGE...
    CRITICAR O RANCHO DOS GNOMOS É UM ABSURDO, O TRABALHO MARAVILHOSO QUE ELES REALIZAM TORNAM AS NOSSAS VIDAS MAIS AGRADÁVEIS, PENA QUE ELES NÃO TINHAM O MESMO PROPÓSITO... QUE DECEPÇÃO! O VIDEO FOI REMOVIDO!

    ResponderExcluir
  20. Bem pessoal, pra mim está mais do que provado que esse povo tem culpa no cartório e querem esconder certas coisas sobre o instituto, não acham?!

    Quem nada deve não teme! Se fossem uma instituição séria realmente, eles deveriam fazer um pronunciamento público para pelo menos explicar sobre a retirada das garras do Ariel, te gantanto que qualquer instituição séria faria isso.

    Eu sabia que eles iam dar um jeito de tirar o vídeo do ar, mas não tem problema pois tomei as precauções e gravei da internet!! Vou passar pra Sheila para ela colocar no blog novamente, afinal ele era um material público.

    Tem mais coisas erradas, que estou dando uma xeretada. Depois conto pra vcs!

    Abs

    ResponderExcluir
  21. Pessoal, a quem possa interessar, dois sites muito bons que falam como a cirurgia de ablação de unhas é feita e dos problemas relacionados:

    http://www.felinus.org/index.php?area=artigo&action=show&id=128

    http://adoteumgato.com.br/gatitude/archives/1318

    é extremamente cruel em vários aspectos e gostei muito de uma frase do segundo blog: "por­que o fim (con­ve­ni­ên­cia do pro­pri­e­tá­rio) não jus­ti­fica os meios (cau­sar dor des­ne­ces­sá­ria ao gato)"

    Abs

    ResponderExcluir
  22. E neste post, http://adoteumgato.com.br/gatitude/archives/1263

    é falado que "Felizmente essa prá­tica não é tão comum no Brasil, sendo inclu­sive con­si­de­rada ILEGAL (assim como na mai­o­ria dos paí­ses euro­peus). Mas sem­pre tem um vet açou­gueiro ou outro que está dis­posto a realizá-la pelo preço certo."

    e que "a remo­ção das gar­ras dos gatos é feita para con­ve­ni­ên­cia das pes­soas, única e exclu­si­va­mente. O gato não ganha abso­lu­ta­mente nada com isso, muito pelo con­trá­rio."

    ResponderExcluir
  23. E pra quem ainda aha que eles são bonzinhos: http://maringa.odiario.com/maringa/noticia/181397/tigres-para-as-propagandas-de-tv/

    ResponderExcluir
  24. Eu comecei a desconfiar que tinha algo errado qdo a "mãe" do Ariel disse que não tinha condições de saber qto havia recebido de doações. Achei muito estranho ela fornecer um número de conta particular para os depósitos. Dizia que o Ariel estava "bem", mas ele já estava sem se alimentar há 5 dias e com problemas de respiração, continuavam a pedir doações. Mesmo assim fizeram mais um sessão de filtragem do sg e o Ariel morreu. Na minha opinião, ele estava sofrendo, deviam ter deixado ele em paz, para que enviar agulhas no pescoço para filtrar o sg se ele estava péssimo. Coitado, como sofreu. Tenho a impressão que o queriam vivo, a qq custo, para continuar a receber doações. A vida toda o Ariel foi explorado, exibido em programas de tv e reportagens, levado de um lado para outro, como um reality show. Ariel comeu, Ariel fez aniversário, Ariel tomou banho...coitado. Tiraram suas garras e isso por ter contribuido para sua paralisia. Alguém deveria investigar esses "donos", eles tinham de ter suas contas correntes investigadas para saber, de fato, qdo arrecadaram e qto, de fato, foi gasto com o Ariel.

    ResponderExcluir
  25. Outro aspecto, parece haver uma campanha que impede as pessoas de fazerem comentários não favoráveis aos "donos" do Ariel. Aqui e um dos poucos lugares onde é possível comentar. No Facebook, por exemplo, é impossível comentar ou questionar. Parece que todos fizeram "lavagem cerebral". Acho incrível não poder questionar. Se tudo fosse mesmo tão maravilhoso no vida do Ariel ninguém estaria duvidando. Tem mesmo coisas estranhas nessa história toda.

    ResponderExcluir
  26. Meu Deus, acabei de acessar os links que a Carolina colocou sobre a retirada das unhas de felinos. Fizeram isso com o Ariel, que monstruosidade. Agora ficou ainda mais claro que ele não foi bem tratado. Por que, meu Deus?? Ele era tão maravilhoso e não foi suficiente? Tinham de mutilá-lo? Pobre Ariel, descanse em paz querido, deve mesmo estar melhor agora. Sua agonia acabou. Vc não merecia isso.

    ResponderExcluir
  27. Não estou entendento nada! Por que esta sujeira toda só foi divulgada agora? Vi algumas pessoas, que não concordavam com a criação de animais selvagens em cativeiro, sendo contestadas em espaço para para comentários em reportagem sobre arrecação de fundos para o tratamento do Ariel. Argumentavam os críticos que a condição de cativeiro do Ariel era uma dádiva, insinuando-se que o leão havia passado por maus tratos. Esses copmentários e também as críticas foram inúmeros, fazendo-me crer que os criadores de leão eram pessoas generosas, de boa fé e , de fato, protetores dos animais. Nenhum comentário surgiu, à época, que desabonasse os criadores do Ariel. Eu me convenci plenamente, na ocasião , das boas intenções dos "donos" do leão. para minha surpresa, agora essas pessoas são suspeitas de ma fé e até de maus tratos? Para o Ariel, infelizmente, é tarde demais!

    ResponderExcluir
  28. Eu penso que todos desejam o bem do Ariel e talvez tenham "segurado" as críticas esperando que ele se recuperasse. depois que ele morreu tudo veio à tona. No meu caso, cheguei a colaborar com um depósito feito por uma pessoa de minha família, mas participando do Facebook (Ajuda ao leão Ariel), fiz algumas colocações (normais) sem apelo, sem baixaria, nada. Meu comentário foi imediatamente apagado e me baniram da comunidade. Dias depois, após Ariel morrer, entrei em outra comunidade, que tinha link com a primeira, questionei novamente o tratamento realizado, e o fato se repetiu com mais rigor, além de apagar o comentário e me banir, me denunciaram ao Facebook. Eu sou da paz, nunca faria comentários maldosos, com ignorância, etc. Fiquei chocada com o tratamento que me deram.

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪