11/04/2011

GATOS INFESTAM ESCOLA NO CRUZEIRO - DF

Uma das mais idiotas matérias que eu já vi na vida!!!! as imagens mostram uma escola toda depredada e os gatos é que levam a culpa... ô nojo!!!! ô nojo mesmo!!!!


DFTV - TV Globo - 07/04/11
.

8 comentários:

  1. Se eles tivessem reformado a escola não estariam colocando a culpa nos pobres dos gatos.

    Mas tem gente pra tudo.

    ResponderExcluir
  2. Suzane Faria11/04/2011 12:50

    Aqui no DF os animais não existem para o governo, aliás só se fala neles nesses casos absurdos, para levar a culpa pela incompetência da gestão. São poucas ong,grupos de proteção, abrigos (lotadíssimos) - impossível dar conta de tudo! A zoonoses só serve para matar. Estamos tentando ver o que é possível fazer nesse caso, mas ninguém assumiu e com razão, pq ninguém tem mais espaço nem dinheiro para tantos problemas. Lastimável!

    ResponderExcluir
  3. Nossa... desde pequena abraço e beijo animais de rua. Nunca tive nada e tenho uma saúde invejável!!!! Torço até para eu ter tido toxoplasmose, porque quero ficar tranquila quando engravidar.

    ResponderExcluir
  4. O poder publico é uma vergonha...deixar uma ESCOLA nessas condições e colocar a culpa nos gatos? Para o planeta que eu quero descer...
    Sheilinha, é realmente um nojo! Só podia ser em Brasilia!
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  5. Ai meus sais...
    Ao invés de irem atrás de quem alimenta os gatos por que não de quem abandona esses animais?
    Conscientizar quem alimenta? Por que não campanha de posse responsável e controle de natalidade.
    Por que não doar as crias? Incentivar a castração?
    Fio elétrico exposto é menos perigoso do que pelo de gato?
    Dá pra imaginar a água dessa escola com esses encanamentos?
    Já pensou no estrago de um gato caindo numa criança... e o teto caindo?
    Interessante ser no DF. Gatuno que é bom ninguém persegue! Controle de zoonose pra quem rouba ambulância de pobre...esqueceram? Também faz mal à saúde.
    Mas enfim, há de ter sempre um bode expiatório e gato o é desde a Idade Média.
    Xixi de gato não é bom e coco também não, mas que culpa eles têm?
    Xixi e coco de gente também não são agradáveis. Duvido que em condições tão precárias a higiene nessa escola esteja ok.
    Que tal direcionar a crítica ao verdadeiro culpado e não focar na vítima (não só as crianças são vítimas, os bichos também)?! Arrumem a escola e eduquem a população!
    Rita Couto.

    ResponderExcluir
  6. Meu Deus!!!!parem o mundo e salvem os gatinhos.Será que é moda culpar os gatos por tudo de ruim que acontece.Concerteza coisa boa não vai acontecer pra esses gatos.

    ResponderExcluir
  7. Andréa Neves11/04/2011 21:15

    Que beleza, a primeira atitude é parar de alimentar os gatos, tomara que um pedaço bem grande de reboco caia na cabeça da diretora e que um curto circuito queime a sua B---A! Aí eu quero ver se ela vai continuar dizendo que o pior problema dessa escola, que está em ruínas, são os gatos! Mesmo que tantos absurdos que foram ditos, fossem verdade, eu garanto à vocês, amigos, que um teto desabando e um curto circuito causado por falta de manutenção periódica no sistema elétrico, causa muito mais danos que alergia, toxoplasmose e outros... Uma vergonha o tipo de educação que se ensina por lá! Misericórdia, quanta ignorância!!!

    ResponderExcluir
  8. Não é correto nem para as crianças nem para os gatos que eles vivam no telhado.

    Mas o mesmo precisa ser consertado e os gatos CASTRADOS e a conscientização tem que ser no bairro todo sobre a castração e adoção.

    E depois quando vierem os pombos ou os ratos será que vão sentir saudades dos gatos?

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário, porém, não publicaremos palavrões ou ofensas.
Os comentários não representam a opinião do portal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

EM DESTAQUE


RECEBA NOSSOS BOLETINS DIÁRIOS

Licença Creative Commons

"O GRITO DO BICHO"

é licenciado sob uma Licença

Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a obras derivadas

 

SAIBA MAIS


Copyright 2007 © Fala Bicho

▪ All rights reserved ▪